Fundação Renascer lança projeto “A Hora do Trabalhador” com ações para saúde mental de colaboradores

Realizado através da Escola Estadual do Sinase, projeto acontecerá quinzenalmente com acompanhamento de psicólogos a trabalhadores do sistema socioeducativo

A Fundação Renascer lançou, nesta sexta-feira (26), o projeto “A Hora do Trabalhador”, através do Núcleo Estadual da Escola do Sinase (NEES/Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo). A proposta é ser uma ação complementar, realizada quinzenalmente, para a promoção de saúde mental para profissionais que trabalham nas unidades do sistema socioeducativo em Sergipe, com espaços de acolhimento, fala e escuta.

Com o tema a “Saúde Mental no Ambiente de Trabalho”, o lançamento aconteceu durante uma Live por meio da plataforma Google Meet e debateu assuntos como estresse e depressão com a participação da psicóloga Maria do Carmo, técnica de referência do (NEES), o psicólogo Juraci Brito, do Departamento Geral de Ações Socioeducativa do Rio de Janeiro (Degase), além da equipe de servidores e diretores da Fundação Renascer.

As ações do projeto serão desenvolvidas pela psicóloga Maria do Carmo, da Escola do Sinase. Ela conta que o objetivo é proporcionar métodos positivos voltados à saúde mental do trabalhador. “Propomos um conjunto de atividades que se destina à promoção e proteção dos trabalhadores, como também à recuperação e a reabilitação no ambiente de trabalho”, disse a profissional.

Participando diretamente do estado do Rio de Janeiro, o psicólogo do Degase, Juraci Brito, ressaltou a importância da iniciativa para os trabalhadores do sistema socioeducativo. “Nós precisamos estar bem para podermos desenvolver um trabalho de qualidade. Somos seres humanos e a saúde mental é de suma importância para termos um resultado eficaz”, disse o psicólogo.

O projeto visa ao acompanhamento dos trabalhadores das seis unidades socioeducativas administradas pela Fundação Renascer, com psicoterapias e oficinas de meditação voltadas à promoção de saúde mental, levando em consideração o enredo profissional no ambiente de trabalho. “O projeto é uma iniciativa da Escola do Sinase para todos os funcionários e servidores que trabalham em prol da socioeducação. E importante que estejamos bem, levando em consideração a saúde mental na rotina de trabalho”, afirmou a coordenadora do núcleo estadual da Escola do Sinase, Vanessa Horácio.

Última atualização: 26 de fevereiro de 2021 17:46.

Pular para o conteúdo